Bem-vindo ao Futuro do Trabalho no Metaverso- Dirija Axies, não Taxis



Encontrando emprego na realidade virtual



Nota inicial: Desde que entrei nas criptomoedas, eu nunca mais tive qualquer dificuldade de arrumar trabalho. Diariamente eu recebo ofertas de diferentes partes do mundo. Atualmente, eu trabalho com italianos, ucranianos, colombianos. Ao mesmo tempo, eu NUNCA passei em nenhuma ''entrevista formal'' de emprego. Eu não fui nem aceita no ''99Frela'', a plataforma considerou que não havia nada de especial no meu perfil. A tradução abaixo é incentivada por uma reflexão bastante pessoal sobre a questão do trabalho do futuro. Cujo ensinamento é, senhores e senhoras, considerem as criptomoedas caso vocês desejem capitalizar o futuro, não importa seu nicho.


O artigo original pode ser lido no substack do Metaportal.


Já conversamos várias vezes no MetaPortal sobre o advento do metaverso e seu impacto nos empregos, incluindo a mudança da própria definição de trabalho. Com oportunidades surgindo em todo o cenário virtual e permitindo que você troque tempo por dinheiro, é hora de olhar mais de perto o que esse novo tipo de trabalho tem a oferecer. Este artigo foi projetado para servir como um guia para entender o que pode catalisar a mudança para novas formas de trabalho, como podemos localizar o início da tendência e como abrir seu próprio caminho no mundo da web 3.0. Primeiro, vamos definir o cenário.


Tang Ping (躺平) Deitado

Em todo o mundo viveremos uma mudança drástica em relação ao mercado de trabalho. No oeste, a geração millennials representa mais de 50% da força de trabalho e tende a querer mais flexibilidade em seus empregos. Como bando, a geração millennials acaba de abrir o precedente para o que vem a seguir, esperando que essa tendência se acelere conforme a geração Z atinge a idade produtiva. Os ‘Zoomers’ têm menos preconceitos sobre o que constitui uma carreira e estão muito mais inseridos no espaço digital. Gerações nativas digitais são incapazes ou não querem seguir o caminho de educação de seus pais> trabalho> casa> família> aposentadoria, elas estão em busca de uma vida equilibrada que possa ser desfrutada em todas as idades. Uma combinação de pressões da mídia social, dívidas da educação e salários estagnados estão pesando sobre essas duas gerações. Quando combinado com uma perspectiva cada vez mais desesperada sobre a casa própria e a criação de uma família, faz com que uma grande parte da força de trabalho pare para reconsiderar se vale a pena. É só isso?


Uma das reflexões mais interessantes sobre essa mudança de atitude vem da China, de todos os lugares. Lá, o termo Tang Ping (躺平) ou ‘deitado’ recentemente se espalhou nas mídias sociais, referindo-se a busca pelo equilíbrio em relação ao trabalho / vida pessoal, com uma recusa a trabalhar até a morte prematura por uma empresa. Isso vai contra o meme 996 perpetuado por Jack Ma e outros líderes empresariais, em que os funcionários devem trabalhar das 9h às 21h, 6 dias por semana, e sejam gratos pela chance de fazê-lo. Na China, pelo menos, essa atitude é apoiada nos níveis mais altos do governo, com Xi Jinping escrevendo anteriormente que "o trabalho duro é a mais bela virtude e a chave para a felicidade". No entanto, em vez de aderir à linha do partido, os jovens trabalhadores são em vez disso, compartilhar a paz de espírito que experimentam ao fazer "apenas o suficiente" para sobreviver.



O tema comum entre as duas culturas é a resistência contra o trabalho ou, mais precisamente, a competição incansável com outras pessoas de sua faixa etária. Não é mais desejável subir na escada corporativa e seguir o caminho trilhado pelas gerações anteriores. É claro que algumas das startups mais bem-sucedidas da história recente e atuais queridinhas do mercado de ações surgiram para aproveitar o zeitgeist. Ao oferecer a promessa de ser seu próprio patrão ou de ter um alvoroço, empresas como a Uber e a DoorDash podem tirar proveito daqueles que optam por "ficar sem dinheiro" ou precisam complementar sua renda com um segundo emprego. Esses tipos de estruturas organizacionais tendem a beneficiar o usuário final e a diretoria executiva, mas não tanto os funcionários (na Califórnia, ser classificado como funcionário seria uma melhoria!). O Uber chega ao ponto de afirmar que seu crescimento contínuo acontecerá com frotas de carros sem motorista.


“O motorista representa a maior despesa individual em compartilhamento não autônomo de carona em 80% do custo total por quilômetro ... Ao remover o motorista da equação, os veículos totalmente autônomos reduzem drasticamente o custo de uma carona enquanto impulsionam seu mercado endereçável . ”


Neste exemplo, então, o modelo de negócios depende fundamentalmente de algum dia se livrar dos motoristas, a própria razão para o crescimento da rede do Uber.


Dirija Axies, não táxis - Gabby Dizon

Mas há outras opções. Com a explosão das criptomoedas e a criação da "internet de valor", está cada vez mais fácil ter um trabalho que não seja limitado por fronteiras geográficas ou dependente de um empregador indiferente.



O Jogue para ganhar (Play-to-earn) como um modelo de negócios está vindo à tona, contribuir para uma Organização Autônoma Descentralizada (DAO) surge constantemente como um trabalho do futuro, e agora os artistas estão usando os NFTs e vendendo cópias digitalmente escassas de seus trabalhar sem intermediários. Todos esses caminhos oferecem formas de trocar tempo por dinheiro, de forma flexível, característica desejada por uma força de trabalho mais jovem. E se o trabalho é definido no dicionário de Cambridge como “uma atividade em que uma pessoa usa esforço físico ou mental para fazer, geralmente por dinheiro”, então vender arte digital por ETH no Rarible é trabalho. Criar Axies com fins lucrativos é trabalho. Contribuir para um DAO e ser recompensado é trabalho.


Vale a pena fazer uma pausa aqui para considerar o tamanho potencial desta nova economia. Acabamos de ver o número de endereços exclusivos da Ethereum atingir mais de 163 milhões. Os Estados Unidos, para comparação, têm uma força de trabalho que, em seu pico, empregava 164 milhões de pessoas. Quando você leva em consideração o aumento da acessibilidade do trabalho digital nativo, a natureza sem fronteiras e sem permissão do Ethereum e o único requisito de acesso sendo uma conexão com a internet, fica claro que o potencial é enorme. O mercado total endereçável deveria ser igual ao da internet, de fato, uns bacanas 4,6 bilhões de pessoas na forma como está hoje.




Indo mais fundo nos dados, há evidências de que as pessoas estão aproveitando a tendência? Se estudarmos o mercado e as taxas de reprodução que o Axie Infinity está gerando, ficará claro para ver a tração insana que o jogo alcançou recentemente.


Axie Infinity atingiu mais de US $ 70 milhões em receita vitalícia


A contagem de jogadores está igualmente fora das tabelas, com 500.000 jogadores em julho, ante 350.000 no mês anterior. Ao contrário dos jogos de soma zero, no entanto, isso agrega mais valor ao token de utilidade $ SLP e ao token de governança $ AXS, tornando ainda mais lucrativo ganhar a vida com o jogo. Isso é antes de chegarmos ao preço mínimo para o aumento do Axie! Longe da atividade especulativa, a ascensão do Axie Infinity e do valor gerado é real e fundamentado na utilidade genuína. O efeito sobre as nações menos desenvolvidas que são capazes de se adaptar a este novo paradigma está bem documentado e destaca onde o Ocidente pode estar em desvantagem. Com décadas de prosperidade e tanta inércia por trás das estruturas de empregos tradicionais, é mais difícil para as pessoas aceitarem, muito menos se empenharem, em formas totalmente novas de geração de valor. Isso certamente parece o sinal verde da adoção da curva S, mas vindo de uma localização geográfica diferente do Vale do Silício, para variar.


Da mesma forma, no mundo NFT, após um breve resfriamento em linha com o resto das criptomoedas, a Opensea, o maior mercado para NFTs, está começando a ver um crescimento substancial em volume novamente. Isso vem por meio da contínua demanda por arte digital e colecionáveis, oferecendo uma grande oportunidade para os criadores dispostos a navegar na web3 para capitalizar sobre essa tendência.



Finalmente, no espaço mais nascente de registro de dados relacionados ao DAO, há sinais de que o número de contribuintes também está aumentando. O painel do DeepDAO está mostrando 190 mil membros DAO a partir de hoje, mas é importante notar que esses dados são muito novos, portanto podem não ser totalmente precisos.


Então, como conseguir um emprego no emergente metaverso?

Identificando a oportunidade


De um modo geral, existem duas categorias principais de trabalho disponíveis no metaverso hoje:


1. Emprego tradicional em ambientes não tradicionais: Anfitrião do casino no Decentral Games, artista NFT.


2. Inteiros novos tipos de trabalho - jogador Axie Infinity / Illuvium / Gods Unchained, contribuidor DAO.


Você pode notar que, com a segunda categoria, não há uma autoridade central ou indivíduo que determina o valor do seu trabalho. Em vez disso, o valor surge do consenso social em que uma comunidade encontra utilidade em um token ou decide em comunidade o que agrega valor e, portanto, deve ser recompensado.


Em maio, escrevemos que “Acreditamos que o crescimento econômico como principal medida de valor está se tornando desatualizado. Com blockchains públicos, podemos definir outras formas de valor e, com economias baseadas em tokens, podemos desbloquear recursos anteriormente inativos para facilitar a criação de maior valor. Isso vai mudar a própria definição de trabalho, e acreditamos que vai acontecer no metaverso. ” A segunda categoria se encaixa perfeitamente nesta narrativa.


Informalmente, acho que esse ‘novo tipo de trabalho’ pode ser identificado por meio de um teste simples, onde você explica a seus pais como ganha dinheiro neste ambiente. Se eles entendem, é provavelmente uma configuração tradicional espelhada no mundo digital (número 1), mas se isso os impressiona, você provavelmente está trabalhando na vanguarda da organização humana e ajudando a redefinir o próprio trabalho! É o último que parece mais assustador, mas também oferece as maiores vantagens.


Causando impacto


Em qualquer um dos cenários, a melhor maneira de causar impacto é fazendo. Este não é um ambiente onde você espera que seu chefe lhe diga o que fazer, ou a direção é definida muito mais alto por um CEO. Você tem que identificar uma oportunidade, aplicar seu conjunto de habilidades e entregar algo impactante. Na pior das hipóteses, ele cai por terra e você aprende, mas com o grande número de DAOs e o crescimento do espaço cripto em geral, a maioria dos projetos está clamando por contribuições. Cryptocurrencyjobs é um bom lugar para começar, Gitcoin está procurando um Shitposter e pagando US$ 80k pelo job. O mesmo se aplica a jogos NFT como Axie ou Gods Unchained. Talvez sua habilidade esteja em detectar novas estratégias de batalha e você sempre foi um ávido jogador de RPG? As ferramentas estão aí, e também a oportunidade, desta vez, embora você possa monetizar essa habilidade.


Lembre-se que no mundo da web3 é output> credenciais. Ninguém sabe se você foi para Harvard, muito menos se preocupa em verificar, e como eles poderiam saber quando sua foto de perfil é de um macaco entediado? A coisa mais importante que você pode fazer é desistir de fontes de validação externas e ficar preso nelas. DAOs como Index Coop e NFT20 recompensam explicitamente as contribuições com base no impacto, por exemplo; eles estão procurando auto-iniciadores, não jóqueis de mesa.


Prova de trabalho

Como documentar todas essas contribuições? A beleza dos blockchains é que sua natureza aberta permite que qualquer pessoa investigue o que aconteceu na cadeia. Esqueça o perfil do LinkedIn, qual é a sua pontuação Degen? Quantas missões RabbitHole você completou? Você pode criar um link para propostas de melhoria e commits no GitHub?


atomic.blue/DegenScore


Todas essas atividades comprováveis ajudam a construir seu currículo web3 e evidenciam sua compreensão dos vários aspectos das criptomoedas. Quando se trata da hora da entrevista, bem, isso também é diferente. A tendência que vimos até agora é que os DAOs tendem a contratar de dentro de sua comunidade, então você pode considerar seus meses anteriores de esforço como um período de experiência. Ter um histórico de envolvimento no fórum, ajudar novos usuários no Discord e geralmente representar o DAO no Twitter contribuem muito para construir credibilidade e facilitar a transição para algo em tempo integral.


Se, depois de ler o acima, você se sentir pronto para entrar, aqui está um rápido detalhamento das ferramentas de que você precisará e seu equivalente em breve extinto:


LinkedIn -> Discourse Forums (specific to the DAO you’re interested in): AAVE, Index Coop

Slack -> Discord

CVdoctor -> Degen Score, Github

Education Certificates -> Web3 Wallet: Metamask

Night courses -> Rabbithole

Health Insurance -> Opolis


Negócio arriscado


Isso não seria cripto sem uma isenção de responsabilidade afirmando que nenhuma das opções acima é um conselho financeiro. Existem alguns riscos muito reais em negócios tão inovadores, mas nem todos são necessariamente tão óbvios. Em primeiro lugar, trocar o seu emprego no mundo real por uma chance de ganhar dinheiro mágico da internet não é uma decisão a ser tomada de ânimo leve, apesar de muitos ex-alunos e recém-formados fazerem exatamente isso. O nível de flexibilidade oferecido por essas novas formas de trabalho torna-as perfeitas "atividades paralelas" e essa pode ser a melhor maneira de começar. Encontre o tempo em que um trabalho diário normal comece a contribuir, experimente a volatilidade dos tokens de governança nativos e você pode começar a decidir se é certo para você. Candidate-se até mesmo a um estágio cripto (sim, existem). Qualquer coisa para tirar o risco da mesa no início e facilitar seu caminho para o futuro do trabalho.


Um segundo risco mais interessante emerge do próprio Metaverso - a chegada de influenciadores virtuais. Esses avatares são às vezes animados, às vezes executados pela comunidade, mas sempre existem fora do espaço comercial. Este é um risco muito específico porque afeta principalmente aqueles que procuram criar arte digital ou executar canais de mídia social relacionados às criptomoedas. É altamente provável que veremos a proliferação de contas do tipo lil 'Miquela e Imma aparecendo em anúncios e transmissões ao vivo, como uma solução muito mais barata (e mais fácil de trabalhar?) para marcas em busca de reconhecimento.





Para combater isso, precisamos dar um passo para trás e considerar qual é o valor humano agregado a uma tarefa, e isso terá um prêmio? Já vimos combinações de arte humana com NFTs generativos no projeto Solos. Alethea vai um passo além, oferecendo NFTs inteligentes (iNFTs) que usam aprendizado de máquina, modelos 3D generativos e tecnologia NFT para criar avatares autônomos e exclusivos. Em breve, você não estará apenas competindo com outros humanos para agregar valor, mas um exército de criações digitais em constante aprimoramento. A vantagem é que a ascensão dos influenciadores criará uma nova economia de empregos para criá-los e mantê-los, então não vamos nos curvar aos nossos senhores digitais ainda.


Conclusão

Com uma população envelhecida que viveu por décadas de prosperidade começando a se aposentar, uma força de trabalho cada vez mais jovem e desiludida assumindo o manto e agora a ascensão da web3 permitindo uma internet autossoberana de valor, as condições estão maduras para o futuro do trabalho ganhar corpo. Longe de ficar estagnada, as gerações mais jovens podem mergulhar de cabeça no metaverso e fazer parte da criação de uma economia inteiramente nova.


Os governos em todo o mundo precisarão acordar para essas mudanças, uma vez que faixas inteiras da população não voltam a trabalhar no formato tradicional. Onde os contribuintes do DAO aparecem nas estatísticas nacionais de emprego? Isso provavelmente será visto primeiro nas nações em desenvolvimento, onde o uso prolífico de telefones celulares torna a transição para o trabalho digital muito mais fácil. O tamanho desta oportunidade é fundamentalmente global e a tendência vai tomar forma rapidamente, lembre-se, os números de que o Axie Infinity ainda não atingiu a Índia ou a África.


Com a maioria desses jogos, aplicativos e NFTs sendo implantados em soluções de escalonamento Ethereum ou Ethereum, a barreira de entrada deve se tornar cada vez menor. À medida que a educação e a conscientização sobre o mundo cripto além de um determinado jogo ou aplicativo se espalham, espere ver as pessoas permanecendo nos trilhos cripto e se tornando sem banco. Longe da agitação de 2017, parece que a Crypto, como uma classe de ativos, está prestes a desenvolver vários ciclos virtuosos que mantêm o valor fluindo dentro do sistema, em vez de tentar desesperadamente fugir dele. Você tem a chance de fazer parte disso.


No momento, existem ou estão sendo criadas várias ferramentas para aproveitar essa tendência. Embora seja prudente estar ciente dos riscos, envolver-se agora significa chegar ridiculamente cedo. Considere quais são suas habilidades, onde você pode agregar valor e qual caminho parece mais interessante, então entre. Todo um metaverso de oportunidades o aguarda.